Depois de analisar várias opções no mercado, a LCY decidiu implementar a solução Hastee, a partir da qual os colaboradores podem aceder até 50% do seu salário bruto para o trabalho que tenham completado, dando-lhes uma alternativa segura, ética e sem riscos de utilização, por exemplo, de um cartão de crédito ou de um adiantamento do vencimento quando necessitam de alguma liquidez extra.

Como Hastee não é um empréstimo, não há juros a pagar. Os trabalhadores da LCY pagam simplesmente uma pequena, justa e simples taxa de transacção de 2,5% (após terem recebido o seu primeiro adiantamento, até £100, sem qualquer custo), o que significa que a solução não custa nada à empresa e dá aos colaboradores acesso aos seus próprios rendimentos sem terem de esperar até ao dia do pagamento. Hastee também oferece um programa abrangente de educação financeira, escrito em conjunto com The Money Charity and Money Advice Service.

O que a LCY disse sobre a Hastee

“Hastee deu poder aos nossos colaboradores de gerir as suas finanças pessoais de forma mais eficaz, melhorando as suas vidas dentro e fora do trabalho. Em vez de pedir um adiantamento ou depender de cartões de crédito, pagar empréstimos diários ou assinar cheques descobertos, os nossos colaboradores podem retirar uma parte do salário ganho quando quiserem ou precisarem. O combate ao stress financeiro deve ser uma grande parte de qualquer estratégia de bem-estar em qualquer local de trabalho. A implementação foi rápida, sem complicações e a solução não custou nada ao negócio” – Stephanie Powell, gerente de remunerações, aeroporto da cidade de Londres